Anselmo pede à população que vote no melhor para a cidade

por Tania Maria Garabini publicado 03/06/2020 14h45, última modificação 03/06/2020 14h53
Lembra que vereadores trabalham por melhorias comunitárias e não individuais

O presidente Anselmo Prata falou das dificuldades que os vereadores enfrentam na defesa da população e exercer sua função. Citou a ação da comissão processante que aprovou o Impeachment da prefeita devido os crimes e desvios praticados, assuntos levantados com documentação e gravações de testemunhas que estão disponíveis no site da Câmara e a Justiça entendeu que a Casa não tinha poder para fazer essa fiscalização.

“O que eu aprendo com isso é que o eleitor tem a principal arma, que é o voto. Eu acreditei, votei e lutei pela prefeita acreditando que Carapebus tomaria um rumo diferente”. Lembrou que nessa eleição haverão onze cadeiras na Câmara e a população tem oportunidade de avaliar os vereadores atuais e os que pleiteiam a vereança e escolham o que é de melhor para o município.

Quanto a atual prefeita relembra que as promessas feitas à população não foram cumpridas. “E não foi por falta de recursos. O orçamento está aí. Até o presente o município arrecadou R$ 350 milhões”. Indagou Anselmo Prata o que foi feito com esse dinheiro; se foi investido em obras, onde então. Se foi feito algum investimento, atração de empresas; cursos profissionalizantes. Hoje, a única fonte empregadora é a prefeitura”.

“Estamos há meses cobrando o que está sendo feito com os recursos da Saúde, da Assistência Social, porque estão no combate do Coronavírus – que vem matando – e seus servidores não recebem.  Estão parando com seu trabalho de suma importância como é o dos funcionários do CTI porque seus salários estão atrasados”.

Anselmo Prata detalhou que a Câmara juntamente com o Sindicato dos Servidores protocolou ofício junto ao Ministério Público para que se determinasse a regularização do pagamento dos servidores. E isso foi mais uma ação de fiscalização e cobrança que os vereadores fazem e que pode ser acompanhado na mídia social da Câmara, em seu site onde estão publicadas lei, decretos, requerimentos e ofícios além do Portal de Transparência deixando tudo às claras à população com apenas um clique de acesso.