Vereadores aprovam abono de Natal para servidor legislativo

por Tania Maria Garabini publicado 05/12/2019 11h43, última modificação 05/12/2019 11h43
E definem sessões extraordinárias para apreciação final da LDO

Um abono de Natal para o servidor administrativo da Câmara, no valor de R$ 300,00 foi aprovado por unanimidade pelos vereadores. A primeira votação aconteceu neste dia 2. No mesmo dia foi aprovada a transferência das duas últimas sessões em plenário (11 e 13) antes do recesso parlamentar.

Anselmo Prata comentou que, em breve as obras realizadas na Câmara estarão concluídas, inclusive com a instalação do elevador para oferecer acesso aos portadores de necessidades especiais. “Isso permitirá que todos – que têm direito iguais – possam participar presencialmente das sessões onde são discutidas coisas importantes para a população de Carapebus”. Parabenizou os servidores da Casa pela aprovação do abono de Natal, já que por duas vezes foi realizado licitação para que empresas pudessem fornecedor o cartão alimentação, mas não houve interessados. Adiantou que será feita uma nova licitação para o fornecimento desse benefício aos funcionários da Câmara.

No dia 11 (quarta-feira) a sessão será itinerante, a partir das 19 horas na Vila Paulina e a do dia 13 (sexta-feira) acontecerá às 10 horas no plenário da Câmara. Essas alterações de dia são motivadas pela conclusão das obras que estão sendo realizadas no prédio da Câmara, para que o poder Executivo possa apreciar as emendas feitas ao orçamento e dê seu parecer ainda este ano e também pelas proximidades dos festejos natalinos e de final de ano resultando em feriados.

Ainda na sessão de terça-feira, o vereador Wagner Mello falou do corte de uma mangueira centenária para uma obra no PSF local. “Era uma árvore que sempre deu bons frutos, sombra para tantas pessoas que ficam esperando as lotadas. A mesma fica em frente ao PSF. Ela não atrapalha em nada, muito pelo contrário”. Ele espera que com a derrubada da mangueira a prefeitura plante duas outras bem como conclua a obra que começou no PSF de Ubás.

O vice presidente da Casa, Luciano Sardinha (Deuty) salientou que em breve haverá no prédio da Câmara, acessibilidade para os portadores de necessidade especiais. “Dentro do orçamento votado foi dado uma verba de R$ 200 mil para que a prefeita faça acesso a todos os deficientes pelas ruas da cidade. E elogiou a Mesa Diretora por estar instalando um elevador na Câmara, permitir assim o acesso a todos os portadores de necessidade especial. Outro elogio à Mesa foi para o abono de Natal que será concedido a todos os servidores da Câmara além do pagamento do 13º salário mesmo com o orçamento pequeno, “enquanto a prefeitura que possui recurso milionário não consegue manter a folha de pagamento em dia”.